Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Palmeira: Assinada ordem de serviço para a construção da nova unidade do CRAS

Publicado em 26/05/2022 às 00:27 - Atualizado em 26/05/2022 às 00:28

O município de Palmeira vai contar com um novo Centro de Referência da Assistência Social (CRAS). A ordem de serviço foi assinada na tarde  desta quarta-feira (25), pela prefeita Fernanda Córdova e por Adriani Muniz Boaventura, responsável pela empresa vencedora da licitação, B & P Construtora Eireli. 

Contendo 172 metros quadrados respeitando os padrões estabelecidos pelo Estado,  o prazo de entrega da conclusão das obras será de seis meses. O espaço físico conta com sala de atendimento, administração, recepção, cozinha, banheiro, área de serviço, sala multiúso, área externa coberta e mobília.

Sendo um recurso de R$ 750 mil, viabilizado pelo Governo do Estado, por intermédio do ex- Secretário de Estado do Desenvolvimento Social de Santa Catarina (SDS-SC), Claudinei Marques, e ao atual, João Batista Costa, a nova unidade irá beneficiar os usuários e também aos profissionais da área. 

No ato de assinatura, estavam presentes: Secretária Municipal de Assistência Social, Adalci Pereira, coordenadora do CRAS, Ingrid Farias, presidente da câmara de vereadores, Alcione Pereira, vereadora, Simone Silveira,  secretária de indústria, comércio e turismo, Franciele Cordova o Secretário de Saúde, Reinaldo Borges, a advogada e consultora jurídica, Mônica Schappo e a engenheira Silviane dos Santos

“O espaço será construído com toda a acessibilidade possível para diferentes públicos. A construção de forma geral irá beneficiar os profissionais e certamente os usuários de uma maneira ampla. Oferecendo melhorias na oferta de porta de entrada para serviços socioassistenciais”, ressalta Ingrid Farias. 

 

>> Sobre o CRAS

O CRAS constitui um dos principais equipamentos no acesso aos direitos socioassistenciais. No espaço são promovidos o acolhimento, a convivência e a socialização de famílias e indivíduos em situações de vulnerabilidade e risco social. O CRAS efetiva a referência e a contrarreferência aos usuários, tendo como eixos estruturantes a matricialidade sociofamiliar e a territorialização.

 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar